Início > Astronomia, Ciência, Educação > Objeto Messier da Semana #05 – 31 – Galáxia de Andrômeda

Objeto Messier da Semana #05 – 31 – Galáxia de Andrômeda

image_pdfimage_print

Pessoal, nesta semana falo da Galáxia de Andrômeda, ou também chamada de M31 no catálogo messier  e NGC 224 no catálogo NGC.

Galáxias são grandes aglomerados de diversos corpos astronômicos, sejam estrelas, nuvens de gás, planetas etc. Possuem grandíssimas proporções e seus componentes são vinculados gravitacionalmente. A nossa Via Láctea é a galáxia que moramos.

O nome “Galáxia” deve-se a etimologia de “aspecto leitoso”, tanto é que nossa galáxia (A Via Láctea) tem este nome pois parece uma mancha leitosa espalhada pelo céu (na mitologia greco-romana a Via Láctea, por exemplo, é o leite emanado por Hera).

Galáxias possuem classificações quanto a sua forma: podem ser espirais, elípticas, com formato irregular, espirais barradas e lenticulares.

Comparação entre galáxia elíptica (NGC 1316), Espiral barrada (NGC 1300) e uma Irregular (NGC 1427)

Comparação entre galáxia elíptica (NGC 1316), Espiral barrada (NGC 1300) e uma Irregular (NGC 1427)

As espirais tem um formato de espiral, como já diz o nome. Uma espiral barrada, quando vista por cima, tem uma espiral que está aparentemente ligada a uma barra (como se surgisse após uma linha). As elípticas possuem o formato de uma elipse. Já as irregulares não possuem formato definido e geralmente são menores que as demais (explicando o porquê de serem irregulares). As lenticulares são galáxias que estão entre o grupo das espirais e das elípticas. E, por fim, as anãs, são galáxias que são muito pequenas e com número menor de estrelas.

Nesta semana, o nosso Objeto Messier é uma galáxia, que chama-se de Galáxia de Andrômeda, ou M31 no Catálogo Messier.

O seu formato é de uma galáxia espiral e está a 2,9 bilhões de anos-luz da Terra. Seu diâmetro é de ~200 mil anos-luz.

Galáxia de Andromeda

Galáxia de Andromeda

Esta galáxia e visível a olho nú (não com estes detalhes, obviamente, pois estas lindas imagens são obtidas com telescópios) e possui magnitude 4,63. RA de 0 h 42 minutos e 44,3 segundos. Declinação de 41º 16′ 09″ (no sistema de coordenadas equatoriais).

No "quadrado" está galáxia de andrômeda, localizada na constelação de andrômeda. Estará visível (Brasília) a partir de umas ~18hs e 30 minutos.

É possível que daqui a uns 5 ou 6 bilhões de anos, a nossa Via Láctea colida com a Galáxia de Andrômeda, causando vários cenários possíveis entre a interação gravitacional das duas. A colisão de galáxias não significa que todos os corpos serão destruídos. Como existem mais espaços vazios, possivelmente haverá interação gravitacional entre as duas. Neste link, temos uma fotografia obtida pelo telescópio Chandra de duas galáxias colidindo.

Veja este vídeo com um episódio da série Cosmos de Carl Sagan:

Ou este outro, “fragmento”:

Arnaldo Vasconcellos

Astronomia, Ciência, Educação , , , , , ,

  1. Ainda sem nenhum comentário.
  1. Ainda sem nenhum trackback.